NOTÍCIAS

16 DE ABRIL DE 2021
Extra – Imposto de Renda: veja como declarar imóvel próprio quitado e financiado

Um dos critérios de obrigatoriedade para declarar o Imposto de Renda é possuir um bem acima de R$ 300 mil. No entanto, mesmo que o contribuinte tenha um imóvel de valor menor, mas esteja enquadrado em outro critério que o obrigue a fazer o Ajuste Anual, como ter recebido em rendimentos tributáveis mais de R$ 28.559,70, ele deve preencher todos os campos do programa, informando inclusive a casa ou apartamento que possui em seu nome.

A declaração do imóvel no IRPF ainda é uma dúvida frequente de proprietários. Fernando Moraes, controller do QuintoAndar, explica que, no caso de imóveis já quitados, o valor a ser declarado é o total pago. Não deve ser feita uma atualização ano a ano, mesmo que haja valorização. A exceção é quando é realizada alguma intervenção de melhoria, como obras de ampliação, que venham a justificar no futuro um aumento do valor do apartamento ou casa.

— Nesse caso, é preciso guardar os recibos por até cinco anos para que, se for chamado pela Receita, possa explicar o aumento do valor do imóvel. Mas, se a reforma for pequena, como uma pintura ou uma troca de piso, isso não pode ser declarado no IRPF — esclarece.

O imóvel que pertence a um casal com comunhão parcial de bens, embora seja de ambos, deve entrar apenas em uma declaração. A Receita entenderá a situação porque, na ficha de identificação do contribuinte, é necessário informar o CPF do cônjuge.

Já no caso de imóveis financiados, o valor total de avaliação não deve ser informado no campo ‘Situação em 31 de dezembro de 2020’, mas sim a quantia já paga em parcelas, acrescida de outros gastos como ITBI e custas de cartório. Ou seja, se o imóvel financiado é avaliado em R$ 400 mil, mas o proprietário só pagou R$ 60 mil de entrada, R$ 48 mil com as parcelas e R$ 15 mil com despesas de documentação, ele deve informar o valor do imóvel como R$ 123 mil.

— O banco é obrigado a enviar o informe de rendimentos do financiamento imobiliário. Este é o melhor documento para ajudar a fazer a declaração. O imóvel deve entrar na ficha de “Bens e Direitos” e no espaço para descrição, o consumidor deve esclarecer que trata-se de um financiamento. Dessa forma, não é preciso preencher o valor em aberto na ficha de “Dívidas e Ônus” — explica o controller do QuintoAndar.

Fonte: Extra

Outras Notícias

Anoreg RS

12 DE MAIO DE 2021
OAB/RS – Os desafios da Justiça Digital: OAB/RS realizará evento com a presença de autoridades dos Poderes Judiciário e Executivo para debater o tema

Em formato de webinar, o público poderá acompanhar a transmissão via plataforma Zoom e, também, pelo canal da...


Anoreg RS

12 DE MAIO DE 2021
Assinatura eletrônica e certificado digital: as novas ferramentas que tem impulsionado o Agronegócio

A funcionalidade permite assinar quase todos os tipos de documentos e contratos.


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
CGJ-RS emite Despacho com determinações de medidas aos serviços notariais e de registro sobre o Sistema Selo

Clique aqui e leia na íntegra.


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
Portal do RI – CNB/CF abre candidaturas para universidade do notariado mundial da UINL

Formação anual do notariado mundial destinada a jovens notários está com inscrições abertas para a edição...


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
Câmara dos Deputados – Comissão aprova projeto para baixa gratuita de microempresas inativas

Pelo texto, a empresa tem que estar sem qualquer atividade há mais de três anos para ter o registro cancelado...


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
Governo RS – Governador entrega oficialmente escritura de terras do Estado à Granol, em Cachoeira do Sul

Propriedade foi subsidiada devido à concessão de incentivo via Programa Estadual de Desenvolvimento Industrial.


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
Estadão – Ano de 2020 teve salto no número de mortes, e não ‘evolução natural’ em relação a períodos anteriores

Corrente no WhatsApp utiliza dados desatualizados e argumentos enganosos para diminuir gravidade da covid-19.


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
CJF – Aberto o prazo para o envio de propostas de enunciados à “II Jornada Prevenção e Solução Extrajudicial de Litígios”

Propostas serão recebidas até 18 de junho. O evento está marcado para os dias 26 e 27 de agosto.


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
Presidente da Anoreg/RS ministra aula sobre Usucapião Administrativa

A aula, que será ao vivo, acontece nesta quarta-feira (12), às 14h.


Anoreg RS

11 DE MAIO DE 2021
CGJ-RS informa novo Cronograma de Inspeções Presenciais 2021

As inspeções presenciais do cronograma de 2021 que eventualmente não puderem ser realizadas em decorrência da...